#22 Rui Nascimento Alves – “Como gerem as melhores empresas os seus recursos humanos?”



Neste episódio, estou à conversa com Rui Nascimento Alves sobre Gestão de Recursos Humanos.

O convidado é director de Recursos Humanos na Johnson & Johnson, uma multinacional na área da Saúde, actualmente com responsabilidades sobre as regiões da Europa do Sul e Portugal e tem uma carreira que já o levou a passar por vários locais do Mundo, o que lhe dá uma sensibilidade particular para diferenças culturais na gestão.

Está é a segunda vez que trago este tema ao podcast, depois de ter conversado com José Bancaleiro, no episódio #13. Nesta conversa com o Rui Nascimento Alves tentei, por isso, abordar temas diferentes. Falámos, por exemplo, de trabalho em equipa e avaliação de desempenho, talento, liderança, métricas de avaliação, diferenças culturais, políticas de compensação, contratação, entre outros tópicos.

Uma última nota para relembrar que agora já podem tornar-se apoiantes deste projecto, através do Patreon (no site www.patreon.com/quarentaecincograus). Agradeço aos ‘patronos’ João Vítor Baltazar e Ana Mateus pelo apoio generoso.

Ligações:

Biografia detalhada: Rui Nascimento Alves é licenciado em Sociologia do Trabalho e doutorando em Comportamento Organizacional. Detém um Executive MBA e é Mestre em Gestão de Recursos Humanos, pelo INDEG-ISCTE. Frequentou o Advanced Management Program (AMP), da Universidade Católica/Kellogg School of Management (Chicago, EUA). É certificado em Targeted Selection Administration e Facilitation Skills e em International Coaching. É Diretor de Recursos Humanos de uma multinacional na área da Saúde, com responsabilidades sobre as regiões EMEA e Ásia Pacífico (India, China e Japão). Trabalhou nos EUA, Europa, Médio Oriente e África. Foi consultor de Gestão de Recursos Humanos em Portugal e PALOP numa empresa de TIC e numa consultora nacional. Tem publicado vários livros e artigos de opinião das áreas de Gestão de Recursos Humanos e Desenvolvimento Organizacional.

Ligação ao Libsyn

Gostou deste episódio? Apoie o Quarenta e Cinco Graus no Patreon!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *